José Cassimiro de Godoy assume a presidência

O nome de José Cassimiro de Godoy foi referendado pela Assembleia Geral de fevereiro de 2013 para assumir a Presidência da Novo Encanto. Ele indicado pelos membros da Diretoria para assumir o cargo por conta da renúncia de Genis Garcia Pereira Junior, que continua na Coordenação Executiva.

Já como novo Presidente anunciou mudanças no Organograma, a implantação de um Sistema de Procedimentos Administrativos e um novo Patamar de Transparência.

Em sua despedida, Genis agradeceu o empenho das Diretorias do seu primeiro e segundo mandatos, o apoio de todos os Coordenadores Regionais da Novo Encanto e a compreensão de sua família para que ele pudesse realizar o trabalho. Ressaltou sua alegria pela serenidade e harmonia que o processo de transmissão de cargo está sendo realizado.

Conheça o novo presidente

José Cassimiro de Godoy (à direita da foto) tem 62 anos e é formado em Administração. Acompanhe a entrevista concedida a  Larissa Cavalcanti, jornalista da equipe de Comunicação.

Quem é José Cassimiro de Godoy? Como você se define?

Godoy – Nasci em Goiás, mas moro em Brasília há 40 anos. Cheguei em Brasília ainda muito jovem, trabalhei na iniciativa privada, também trabalhei muitos anos na administração dos Correios, na área de finanças. Depois fui para a área pública. Conheço um pouco de projetos.

Quais será sua linha de ação como Presidente?

Godoy – Penso que o Genis fez um trabalho gigantesco, alcançando objetivos bem importantes, como titulação de Oscip, consolidação das equipes de trabalho, projetos… só temos que ser gratos ao Genis, que fez seu trabalho de forma suada, com muitos méritos.

Vejo que chegou a hora da Novo Encanto ter uma atuação mais transparente. Esse é o primeiro ponto. Também vamos passar por uma fase de readequação, para que possamos ser mais competitivos. Quanto mais próximos estivermos do projeto empresarial, vejo que mais facilidades teremos.

Fortalecer as coordenações regionais também é um aspecto fundamental, porque são as portas de entrada da Novo Encanto nas regiões. Os bancos, por exemplo, fazem todo um trabalho para chamar a atenção das pessoas e agradá-las. Penso que as coordenações podem fazer um trabalho assim.

Há muita abertura na Administração Pública e queremos ter condições de firmar parcerias  em projetos que estão ao nosso alcance.

Quais os planos para o Seringal Novo Encanto?

Godoy – Temos algumas ideias para o Seringal. Ele não pode ser utilizado apenas para expedições e turismo. As expedições são uma forma inicial de fazer com que as pessoas conheçam o seringal e sua relação com a floresta.

O Raul, Vice-Presidente do Seringal, e algumas outras pessoas têm a ideia de promover lá um assentamento de seringueiros, dando a eles vida digna para desenvolverem suas atividades – diferentemente dos primeiros seringueiros da Amazônia – e, a partir daí, alguns outros trabalhos. Um deles é a produção de peças de encauchado (nome dado a um material feito do látex da seringa) de boa qualidade que venham a ser vendidas em lojas que atendem pessoas de bom poder aquisitivo. Acredito nessa ideia porque realizei uma atividade semelhante com pescadores em Goiás, com uma técnica que reaproveitava o couro dos peixes – antes descartados com suas vísceras – para confecção de bijuterias, sapatos, bolsas femininas. Acredito que a produção de peças de boa qualidade terá grande contribuição para dar uma vida mais digna aos seringueiros.

Deixe um recado para os monitores e todas as pessoas que estão envolvidas nos trabalhos da Novo Encanto.

Godoy – Estou chegando pra trabalhar, pra construir, pra somar e, dentro disso, podem contar comigo.

 

Na foto, da esquerda para direita, os ex-presidentes Flávio Gordon e Genis Garcia, e o atual presidente José Cassimiro de Godoy.

Crédito: Comunicação Novo Encanto

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.

css.php