Novo Encanto inaugura estrutura de apoio do seu espaço de aprendizagem no Seringal

Novo Encanto inaugura estrutura de apoio do seu espaço de aprendizagem no Seringal

Hoje, 16 de dezembro de 2020, a Novo Encanto cumpre mais uma missão: inaugurar o “Espaço de Vivência Socioambiental – Mestre Luiz Maciel da Costa”, pioneiro na criação da Associação Novo Encanto.

Esse espaço visa atender a melhoria na qualidade de vida das famílias que vivem e que visitam o Seringal Novo Encanto e da comunidade que mora no entorno, segundo explica o presidente do Conselho Diretor, José Roberto da Silva Barbosa.

Para entender como esse processo aconteceu, acompanhe o que foi contado por Waléria Lemos de Sant’Anna e José Roberto da Silva Barbosa.

UM VISLUMBRE

Em 2015, fui ao Seringal Novo Encanto, em Lábrea (AM), para uma reunião com os coordenadores regionais da Associação Novo Encanto de Desenvolvimento Ecológico. Naquela época, o seu presidente era José Cassimiro Godoy e eu era a assessora de projetos. Foi quando percebi o potencial daquele lugar, e que a Novo Encanto (NE) poderia realizar um projeto para revitalizar a sede do Seringal e as colocações de seringueiros – as quais haviam sido desativadas devido às ameaças de invasores de terras.

O objetivo era criar um espaço que pudesse ser um ponto de disseminação de informação, de formação e de desenvolvimento de práticas que contribuíssem para a melhoria de qualidade de vida das pessoas do Seringal e do seu entorno,  com resgate da cultura do seringueiro; forma de vida digna e sustentável; inclusão na base da cadeia produtiva de produtos não madeireiros; reaplicando tecnologias sociais na infraestrutura, para facilitar a sua vivência na floresta. Ali também poderiam ser desenvolvidas vivências na Floresta Amazônica, durante as expedições eco-turísticas que lá são realizadas.

UM PROJETO

Em 2018, participei de uma dessas expedições eco-turísticas. Lá, em reunião com Sandra Burgos, do conselho diretor da NE (mandato 2018/2020) e com José Roberto Barbosa, presidente da NE, (mandato 2018/2020), que há muito tempo já aguardava um projeto ao seringal, decidimos aquele “vislumbre” de 2015 deveria ser transformado em um projeto, e a Novo Encanto o apresentaria como proposta em editais – e assim foi feito. 

UM CONVÊNIO

Em 2019, o resultado das propostas da NE, apresentadas em editais públicos, resultou na assinatura de um convênio entre ela, a Fundação do Banco do Brasil, referente ao projeto “Capacitação da cadeia produtiva seringalista com reaplicação de tecnologias sociais na infraestrutura”, objetivando aprimorar a estrutura de capacitação para o público de extrativistas, de agricultores familiares, de trabalhadores urbanos e rurais do Seringal e do seu entorno.

Com esse convênio (FBB 17.330), a NE está podendo concretizar “aquele” meu vislumbre de 2015, com:

1. A construção do espaço de aprendizagem (a revitalização da SEDE);

2. A realização da capacitação prática em Agricultura Sintrópica (Sistema Agroflorestal -SAF) (resgate da cultura do seringueiro; inclusão na base da cadeia produtiva de produtos não madeireiros e reaplicação de tecnologias sociais na infraestrutura – para facilitar a sua vivência na floresta)

3. A revitalização da Colocação Colombo (revitalização das colocações dos seringueiros; forma de vida digna e sustentável)

UMA CONSTRUÇÃO

Em 2020, mais precisamente em abril, em meio à pandemia, deu-se início às obras do espaço de aprendizagem, no Seringal.

Ora como colaborador direto na obra nos processos de pesquisa de preço e compra dos materiais, ora como motorista do caminhão, enfrentando situações adversas  atoleiros devido as precárias condições de acesso, José Roberto, sua família e amigos mais próximo foi dado início à construção do Espaço de Aprendizagem da Novo Encanto, no Seringal.

O trabalho foi feito juntamente com o Manoel Gomes, André Luís, Luiz Henrique, o estagiário de arquitetura Álife Bezerra, e uma reduzida (por conta da pandemia) equipe de voluntários da Novo Encanto e do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal (UDV) de Rio Branco (AC), especialmente o núcleo Encanto da Rosa, parceiro no projeto. E, ainda, o mestre de obras Ronivon Santana e mais dois ajudantes os senhores Vagner Feitosa e Danilo Cinta Larga, esses dois últimos ambos moradores na comunidade no entorno do seringal, 

Participando também ativamente o Mário Marques Neto, que representou o parceiro CEBUDV no dia da assinatura do Convênio da NE com a FBB, bem como sua colaboração em momentos importantes, com os trabalhos realizados em regime de mutirãos. Destacamos ainda a participação especial do Casal de Moradores do Seringal Sebastião e Antonilda Guimarães, que nos deram todo apoio na infraestrutura local, desde acolhimento ao Ronivon que morou sete meses por lá, a nossa equipe de transporte do material, com preparo de alimentação, cha de jatobá e boa prosa que lhe é peculiar.

Apesar das chuvas e da pandemia, foram realizados três mutirões de grande porte, em média de 30 voluntários cada: um no início da obra e mais dois em outubro e novembro, o derradeiro contou com a presença de 48 pessoas entre homens e mulheres, além de outros mutirões em menor escala. Um esforço conjunto que confirmou em nossos corações a importância da amizade e do trabalho em união, feito pelas nossas próprias mãos.

A INAUGURAÇÃO

16.12.2020, LUA NOVA.

É chegado o tão esperado dia, com o sentimento de estar sendo guiado por uma força maior, inicialmente sem perceber a fase da lua, astro natural do sistema em que vivemos, nem mesmo por saber que era o aniversário da Waléria Lemos, marquei a data da inauguração  e é com o coração cheio de esperança em tempos melhores para todas as pessoas, a Novo Encanto Ecologia inaugura, no Seringal Novo Encanto, a estrutura de apoio do seu espaço de aprendizagem, um ponto de disseminação de informação, de formação e de desenvolvimento de práticas socioambientais, para a melhoria de qualidade de vida das pessoas do Seringal Novo Encanto e do seu entorno, e de vivências na Floresta Amazônica para seus expedicionários.

Esta inauguração constitui-se em um marco de progresso e desenvolvimento sustentável para a região, regado ao sentimento de amizade compromisso com a causa ambiental e gratidão a Deus pela força, pela fé, coragem e determinação desta equipe de desbravadores.

Na solenidade, predominou um clima natural de emoção, alegria no coração e a visível expressão de felicidades no rostos dos participante, por tão grande e significativo feito, contamos com a presença dos representantes do Banco do Brasil na Pessoa da senhora Gildete Freitas, do Presidente da Associação de Produtores e Produtoras do ramal progresso – Associação Cafarnaum senhor Francisco de Assis, com as presença dos Representantes do CEBUDV, nas pessoas dos M. Central Antônio Gomes, entre outros, dos representantes da família do M. Maciel, José Wellington e Fatima Barros e dos moradores e colaboradores voluntários da Novo Encanto.

São parceiros da Novo Encanto, neste projeto, além da Fundação Banco do Brasil, o Centro Espírita Beneficente União do Vegetal, a Associação Cafarnaum e a Flora Jatobá da Amazônia.

Com o seu nome nesse Espaço, a Novo Encanto presta uma merecida homenagem ao Mestre Maciel, pessoa que se dedicou à conservação do tesouro de plantas sagradas nativas da Floresta Amazônica no Seringal Novo Encanto: “Espaço de Vivência Socioambiental Mestre Luiz Maciel da Costa” compõe-se de cozinha, do refeitório reversível em sala de aula, dois conjuntos de banheiros Masculino e Feminino, lavatórios e duas varandas reversíveis em redários.

Waléria Lemos de Sant’Anna

Coordenadora Técnica e Financeira do Projeto

Assessora de Projetos e Diretora Administrativa Financeira da Novo Encanto (2015/2020)

José Roberto da Silva Barbosa

Presidente do Conselho Diretor e, Gestor do SNE.

FOTOS: Comunicação Novo Encanto

4 Comments
  • M. José Roberto.
    Posted at 12:25h, 25 janeiro Responder

    Um trabalha feito a muitas mãos com amor e gratidão.
    Este espaço de vivência vem ao encontro de um sonho muito antigo, de ter no seringal novo encanto uma escola de educação ambiental e um laboratório de pesquisa.
    Com apoio da fundação Banco do Brasil e de todos os voluntários esse sonho está se realizando.
    Sou grato a Deus e a todos meus amigos pela oportunidade de executar essa obra dentro deste projeto.
    Att,
    José Roberto.
    Dir. Gestão – SNE

  • Jean Bonazoni
    Posted at 13:01h, 25 janeiro Responder

    Muito legal. Agora O seringal novo encanto conta com mais esta estrutura para nos atender enquanto sócios da Novo Encanto e atender também aos moradores dos arredores de nossa área em imersões de educação socioambiental. Seringal Novo Encanto cada vez mais estruturado. Parabéns aos nossos gestores.

  • Caio Frederico
    Posted at 18:28h, 25 janeiro Responder

    Belíssimo trabalho, parabenizo a todos que se dedicaram nessa empreitada que beneficia o seringal e todo seu entorno.
    Espero em breve estar presente e usufruir destas instalações, viva aos homens e mulheres de boa vontade!

  • Alisson Munaretti
    Posted at 00:07h, 26 janeiro Responder

    Um marco para o desenvolvimento do Seringal Novo Encanto com a possibilidade da utilização mais ainda do seu potencial através de projetos para toda a comunidade envolvida com temática meio ambiente e regionalismo. Parabéns a todos os visionários, desde o princípio, na idealização do Seringal Novo Encanto!

Post A Comment

27 + = 28

css.php